Novidade para declaração do Imposto de Renda 2016

Novidade para declaração do Imposto de Renda 2016

“Receita Federal cria declaração financeira e a primeira entrega será em 2016.”

 

Saiba Mais:

 

A Receita Federal do Brasil acaba de criar mais uma nova obrigação acessória para o setor financeiro:

  E-Financeira

A e-financeira foi criada pela instrução normativa nº 1571, publicada no Diário Oficial do dia 03 de Julho de 2015 . As Informações contidas nela serão confrontadas com as prestadas pelos contribuintes na declaração anual do Imposto de Renda, entregue entre março e abril do ano corrente.

Com a e-financeira, a Declaração de Informações sobre Movimentações Financeiras (DIMOF) não mais precisará ser enviada à Receita para fatos gerados a partir de 1º de dezembro de 2015.

Segundo a  referida Instrução Normativa, deverá ser gerada diretamente por sistema próprio sob a responsabilidade do declarante, ou seja, dos bancos, das seguradoras, das corretoras de valores, dos distribuidores de títulos e valores mobiliários, administradores de consórcio e as entidades com previdência complementar.

Emitida de forma eletrônica, a e-financeira deverá ser assinada digitalmente pelo responsável legal  da empresa ou procurador, com o uso de certificado digital. Os dados devem ser transmitidos ao ambiente do SPED (Sistema Público de Escrituração Digital).

As empresas estão obrigadas desde então a prestar informações de operações financeiras dos usuários de seus serviços, como saldo, rendimentos brutos, acumulados anualmente,  e etc.

No caso do FGTS, deverão ser informados apenas com depósito anuais acima de R$ 100 mil reais. Sobre aquisição de moedas ,  as empresas estão obrigadas a prestar informações quando o total movimentado ou saldo for , em cada mês, for superior a R$ 2.000,00 (para pessoas físicas) e R$ 6.000,00 (pessoas jurídicas).

Conclusão 

 

Frequentemente a Receita Federal tem se utilizado da Tecnologia da Informação para aprimorar o sistema de Fiscalização. Para aqueles que tentam burlar o sistema Fiscal,  está cada vez mais difícil de fugir dos olhos da Receita, o Objetivo principal desta norma é intensificar o supervisionamento das movimentações financeiras no país e captar o máximo de impostos possíveis para manter os cofres da nação cada vez mais cheios.

Deixo como dica para você que ainda irá fazer a sua declaração de Imposto Renda Anual,  que dedique-se, desde já, a anotar e controlar todas as entradas e saídas na sua carteira. É imprescindível para evitar que tenhas surpresas desagradáveis.

Aconselho-te ainda fazer o download, grátis, de uma das minhas planilhas, para que possas administrar melhor as tuas finanças.

Segue o Link:

PLANILHAS INTELIGENTES

Como resumo do assunto assista ao vídeo:

Seja inteligente, continue nos acompanhando e compartilhando os nossos artigos.

Acreditamos que você merece as melhores indicações para uma vida financeira extraordinária…

Forte abraço,

até a próxima…

 

 

Post author

Responda